Arrase!


Título: Arrase! (Workin’ It!) • Autor: RuPaul • Editora: Harper Collins • Tradução: Santiago Nazarian • Compre: Amazon

Depois de muito relutar comecei a ver RuPaul’s Drag Race e sem dúvidas confirmei o que já esperava que fosse acontecer, amei tudo e fiquei completamente apaixonado pela RuPaul, então, claro que quando ganhei esse livro eu fiquei feliz e ansioso pela leitura, porque esperava que esse livro fosse algo autobiográfico, ledo engano, o livro é de autoajuda com leve toque de dicas de estilo de vida e moda.

Pessoalmente eu não gosto de livros de autoajuda, mas, eu admito que já li alguns e mesmo não sendo exatamente um gênero que eu gosto, a leitura se mostrou ao menos prazerosa ou divertida, não foi o que aconteceu com esse, ainda que a leitura tenha sido rápida, li em 3 horinhas, isso só se deu porque o livro tem muita foto da RuPaul — maravilhosas diga-se de passagem— para encher linguiça e diagramação de revista com fontes bem grandes.

Eu fiquei realmente desapontado com a leitura, o livro tem até uns pontos legais a se levar em conta, mas, eu não concordo com algumas coisas que foram propostas pelo mesmo, sem contar que o livro até tenta ter uma linearidade, mas, ela não existe, principalmente quando a RuPaul fala sobre coisas que não fazem sentido nenhum estar ali no livro.

Sinceramente minha decepção em si nem foi pelo fato do livro ser um autoajuda, mas, porque ele não consegue cumprir a própria proposta que era dar reais e boas dicas de estilo de vida e moda, fora que a leitura não entretêm, não divertida, e RuPaul é tão icônica e divertida, acredito que talvez essa essência do livro — se ela realmente existir — se perdeu na tradução.

Como diria a própria RuPaul:

CHEGA DE SE SUBESTIMAR, SUA HORA É AGORA! Arrase! tem dicas úteis e provocativas sobre moda, beleza e autoestima para elas e eles, hétero ou gay — e todos entre os extremos! Ninguém sabe mais sobre a vida, a autoexpressão e a felicidade do que RuPaul. O livro é tão colorido, divertido e intrigante quanto RuPaul, recheado de fotos e conteúdos que vão muito além do reality show. Os fãs vão ter um pedaço da filosofia da mãe de todas as drag queens — e verão como não são só as roupas que fazem um homem ou uma mulher! Mais do que um guia de estilo, esse é um mapa para a estrada tumultuosa que é a vida. Boa sorte, e vê se não estraga tudo!



15 Comentários

  1. Oi Alisson.

    Independente do gênero e muito ruim quando o livro não consegue cumprir com a proposta que promete para o leitor. Pena que tenha ficado decepcionado com o livro. No momento não tenho interesse de ler este livro e vou deixar para pegar outra dica na próxima visita.


    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina nem me fale! É realmente um pena, mas, é isso né? A gente tá fadado a encontrar algumas leituras que não serão tão boas, mas é seguir para próxima e ser feliz!! Valeu pela visita até a próxima :*

      Excluir
  2. Opa, tudo bem por aí?

    Olha, se fosse uma biografia eu até me interessaria bastante em ler, até mesmo autoajuda com aspecto autobiográfico eu curtiria ler, mas autoajuda não rola. Eu admiro bastante a RuPaul e acho que um livro sobre ela deveria passar a essência incrível que ela tem, pena que isso não acontece. Acabei de seguir o seu blog, inclusive.

    Abraços! ♥
    www.acampamentodaleitura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menino eu peguei o livro numa felicidade achando que era algo de fato biográfico, mas, cai do cavalo! Obrigado <3

      Excluir
  3. Misericórdia, migo. Eu também achava que esse livro era mais sobre a Mama Ru. Autoajuda é muito chato, mS quando há algum contexto da até para entender, né? Pelo menos as fotos valeram a pena kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é amiga, eu pessoalmente não sou uma pessoa de livros de autoajuda, só as fotos valeram a pena hahah

      Excluir
  4. Poxa um livro que tinha tanto para agregar, mas que não cumpre a proposta. Que decepção! A sua resenha não é a primeira que encontro com essa ressalva =/

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai queria ter lido resenhas desse livro antes de ter pego para ler, talvez eu tivesse evitado tanta decepção haha

      Excluir
  5. Olá tudo bem?

    Assim como você, comecei recentemente a acompanhar Ru Paul e me apaixonei. Por isso fiquei igualmente desapontada quando você falou que o livro não supriu as suas expectativas. Entendo o quão frustrante foi para você, ainda mais que faltou a essência da principal pessoa no livro. Uma pena mesmo. Mas adorei a sua resenha e o quão sincero você foi.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. RuPaul é mesmo maravilhosa né? Foi frustrante mesmo, mas, acontece tem leituras e leituras!! Obrigado ;*

      Excluir
  6. Eu jurava que esse livro era autobiográfico, que decepção, eu não gosto muito de autoajuda, fiquei bem decepcionada, não com a resenha, que está ótima, mas com a descoberta... :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também jurava viu? Não vou mentir que também fiquei bem decepcionado!! Obrigado, ainda que a leitura não tenha sido o que esperava, fui sincero na resenha!!

      Excluir
  7. Eu sempre gostei de livros do gênero, estou sempre lendo alguns, acho que são leituras que podem me acrescentar muito. Esse eu não conhecia e ao olhar a capa pela primeira vez eu achei que fosse uma revista de fofocas kkkkk mas isso não quer dizer que eu não tenha gostado dela, pelo contrário, achei belíssima! Gostei de ver seus comentários sobre o livro, até fiquei curiosa para ler também

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vou negar que tive a mesma sensação viu? Por isso mesmo comentei na própria resenha sobre a aparecia do livro com uma revista kkkkkkk Se você tiver coragem de ler vou querer saber sua opinião depois!!

      Excluir
  8. Oi Alisson, tudo bem?
    Adorei essa capa loucona, combinou super com o jeitão loucão da RuPaul, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Pensa numa pessoa que adoro apesar de algumas tontices recentes. Ela gera alguns dos melhores memes da internet e sempre que vejo um, me escangalho de rir.
    Só fiquei triste que o livro te desapontou, mas infelizmente acontece em todo o gênero.
    Um beijo de fogo e gelo da Lady Trotsky...
    http://www.osvampirosportenhos.com.br

    ResponderExcluir